Se você é homem, com certeza já teve essa preocupação em algum momento da vida. E não à toa! Cerca de 40% dos homens com idades entre 30 e 40 anos são afetados pela calvície, de acordo com a Associação Brasileira de Cirurgia Capilar (ABCRC).

Mas existem casos, ainda, em que as temidas “entradas” surgem mais cedo, na faixa dos 20 anos, o que aumenta o número de jovens preocupados com esse problema. Afinal, para grande parte dos homens, a consciência de que sua perda de cabelo já é perceptível interfere diretamente na autoestima. E é aí que surge a dúvida: será que existe mesmo tratamento para queda de cabelo? Se existe, qual é o mais eficaz?

Primeiro é preciso ter em mente que são diversas as causas que levam as pessoas - homens e mulheres - a sofrerem desse problema. Entre elas: estresse, doenças do couro cabeludo, má alimentação, alterações hormonais e a genética. Essa última, inclusive, é líder no ranking dos motivos relacionados à perda de cabelo.

O tratamento para queda de cabelo pode variar, conforme a constatação da fonte do problema. O procedimento inclui reposição hormonal ou anti-hormonal, utilização de shampoos, loções e de complexo de vitaminas A, C, E e Zinco.

Em casos mais específicos, o tratamento para queda de cabelo pode incluir também a mesoterapia capilar – que consiste na injeção de medicamentos nos bulbos capilares, a fim de estimular o surgimento de novos fios e o crescimento dos já existentes – e a terapia à laser, que estimula a multiplicação de células e fios.

Na Clínica Leone, a avaliação e o tratamento para a queda de cabelo segue um protocolo específico, utilizando os procedimentos indicados para a necessidade de cada paciente. Que tal agendar uma visita?

Mitos